MEMORIAL 31 DE MARÇO DE 1964

MEMORIAL 31 DE MARÇO DE 1964
Avião voa sobre a orla carioca em 31/03/2014, ostentando faixa com os seguintes dizeres: "PARABÉNS MILITARES - 31/MARÇO/64 - GRAÇAS A VOCÊS O BRASIL NÃO É CUBA". Clique na imagem acima para acessar MEMORIAL 31 DE MARÇO DE 1964 - uma seleção de artigos sobre o tema.

sexta-feira, 27 de março de 2015

As 93 mentiras do PCdoB

As 93 mentiras do PCdoB

Félix Maier

Na propaganda eleitoral do PCdoB, que foi ao ar no dia 26 de março de 2015, o PCdoB repetiu sua mentira preferida: que a entidade tem 93 anos de existência.

O PCdoB foi criado em 1962, como dissidência do PCB. Em 1922, foi criado o Partido Comunista - Seção Brasileira da Internacional Comunista (PC-SBIC), que depois passou a ser denominado Partido Comunista Brasileiro (PCB).

Na mesma propaganda, em que o PCdoB se posicionou contra o impeachment de Dilma, o governador Flávio Dino, do Maranhão, falou uma grande mentira com a cara mais lavada do mundo. Disse o Dino Sauro que "o PT mudou o Brasil desde 2002". Ocorre que em 2002 foi o último ano do segundo mandato de FHC, não o primeiro de Lula.
Já são 93 anos de mentiras dos comunistas no Brasil, além de derramamento de sangue, como o ocorrido em 1935, com 32 militares mortos (alguns assassinados enquanto dormiam no quartel) e cerca de 1.000 civis, também mortos. Durante os anos de dinamite, nas décadas de 1960 e 70, os comunistas tentaram impor ao País um regime nos moldes cubanos ou chineses, deixando um saldo de 120 mortos - além de serem os verdadeiros responsáveis pela morte e desaparecimento de centenas de pessoas dentre suas hostes.
Os símbolos do PCdoB e do atual PCB (renascido depois da dissolução do antigo PCB, que virou PPS) - a foice e o martelo - deveriam ser proibidos para sempre no Brasil, por representar uma ideologia assassina que deixou mais de 100 milhões de mortos ao redor do mundo. A lei brasileira, que proíbe, corretamente, o uso e a divulgação de símbolos nazistas, está incompleta. Precisa incluir urgentemente os símbolos comunistas como crime contra a humanidade - como foi feito com o nazismo em todos os cantos do planeta.
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário